As mães do século XXI…

barriga de aluguer

Há uns dias na abertura de um Telejornal de uma televisão generalista, ouvi uma notícia…

Cristiano Ronaldo vai ser Pai de gémeos…

Como as revistas “cor de rosa” tinham comentado o facto da namorada do Cristiano poder estar grávida, pensei que seria o corolário lógico desse amor…

Não era…

Soube-se depois que os gémeos tinham sido fecundados numa “barriga de aluguer“…

Como se um ventre pudesse ser “alugado”…

Pelos vistos parece que pode…

 

Tenho ao longo deste tempo em que escrevo neste espaço, focado várias vezes a perda de valores da sociedade…

 

 

Este é apenas mais um…

Não tenho nada contra Cristiano Ronaldo…

Admiro-o enquanto produto de uma indústria que move milhões…

Que transforma o ser mais pacato num fanático adepto, quando é o seu clube que está em causa…

Não posso deixar de sentir uma profunda admiração por um homem que todos os dias bate record´s de golos, como se a idade não passasse por si…

Com a rivalidade com Messi sempre presente…

Soube transformar essa rivalidade num factor extra de motivação, e hoje é por direito próprio uma estrela de primeira grandeza…

 




 

No entanto fica a questão…

Com toda a sua fama e dinheiro, não seria mais lógico ter um filho de uma família tradicional?

Embora rodeados de todos os luxos que o dinheiro pode comprar, os filhos de Cristiano Ronaldo vão crescer incompletos…

Sem Mãe…

Como se uma Mãe fosse um pormenor…

Vão sentir-se amputados do carinho do ventre que os gerou…

Do cheiro da pele de quem os pariu…

Do afago das mãos que os embalaram nas primeiras horas de vida…

 

Há uns tempos atrás num debate na Assembleia da Republica, a Deputada Isabel Moreira dizia que uma mulher tinha o direito de gerar um filho sem ter um homem à tiracolo…

 

Como se um Pai fosse apenas um apêndice reprodutor…

Um Pai é um elemento basilar numa família…

E os filhos que crescem num ambiente “tradicional”, são por norma mais equilibrados…

Sentem-se seguros…

Protegidos…

 




 

Não consigo imaginar a angústia de uma Mãe que depois de dar à luz, se vê privada da sua cria…

Não quero imaginar o sofrimento…

Os milhões de Cristiano Ronaldo pagam essa angústia…

Talvez…

Mas será que quando os filhos perguntarem quem é a sua Mãe, ele vai ter resposta?

 

A “modernização” da Sociedade transformou os homens e as mulheres deste mundo em seres reprodutores…

 

Como os antigos “Varrascos”…

Ou os Touros de “Cobrição”…

Trocou o afecto pelo dinheiro…

Hoje em dia tudo tem um preço…

Até a dignidade…

Até o ventre materno…

Na ânsia de parecer “moderna”, a sociedade desumanizou-se…

Os Cristianos Ronaldos serão cada vez mais…

As crianças emocionalmente desequilibradas também…

Fica aqui o meu reparo…

Que no fundo também serve de alerta….

Mas fundamentalmente de lamento…

 

Serviços de Fotografia Tapa ao Sal

 

Ler outros textos de António Franco: Aqui… e se gostou, partilhe este texto para que mais pessoas possam ler!

 

Gostou do artigo? Deixe um comentário: