comunidade europeia

A União Europeia ou o fim de uma Utopia…

A comunidade europeia é desde a sua fundação uma utopia... Bastou uma crise como a dos refugiados, para pôr a nu as debilidades de uma União desunida!

Nos últimos tempos a Comunidade Europeia tem sido sacudida por referendos, os quais têm posto em causa a existência da mesma comunidade…

Aos olhos dos Europeus, a comunidade enfrenta neste momento a mais séria ameaça à sua existência…

Os movimentos nacionalistas…

A comunidade europeia é desde a sua fundação uma utopia…

Foi criada à imagem dos Estados Unidos…

E nisso assenta o seu principal óbice…

Desde o fundo azul, até ás estrelas a simbolizarem os países, tudo na comunidade europeia faz lembrar o grande país da América do Norte…

Só que existem diferenças que nos últimos tempos se tornaram particularmente visíveis…

E que contribuem para o acentuar da fragmentação da União Europeia…

A primeira e talvez mais importante, tem a ver com a falta de identidade…

Um turista americano se for à Alemanha ou a outro país da União, identifica-se como americano…

Não se identifica como Texano, Californiano ou natural de um outro estado…

É pura e simplesmente Americano…

Um Europeu não…

Ninguém vai a qualquer lado e se identifica como Europeu…

Identifica-se como oriundo de um país…

A União Europeia burocratizou-se de tal forma que deixou de conseguir dar respostas efectivas ás necessidades particulares de cada membro…

Não é possível uma comunidade decidir com celeridade algum problema, quando a sede está em Bruxelas, o parlamento em Estrasburgo, cada país ter um parlamento e um governo próprios e no fim todas as decisões importantes serem tomadas em Berlim…

Bastou uma crise como a dos refugiados, para pôr a nu as debilidades de uma União perfeitamente desunida…

A nível de mentalidades, os povos Europeus são muito diferentes entre si…

Um nórdico jamais pensará como um latino…

Um Anglo-Saxónico jamais será adepto da cultura da Europa de leste…

Falta o “cimento” das raízes Europeias para solidificar o conceito de União…

Muitas vezes criticamos os americanos, pelo excesso de nacionalismo….

Alguns de nós até os acham idiotas…

Mas o simples facto de um aluno da primária, cantar todos os dias o hino na escola, os aproxima enquanto país…

O facto de em cada quintal existir uma bandeira, une-os enquanto povo…

Os Europeus pelo contrário não foram em 60 anos, capazes de criar essa união…

Poucas pessoas sabem o nome de algum fundador da União Europeia…

Mas todos os Americanos conhecem George Washington

Ou John Adams… Ou Thomas Jefferson

No fundo ao tentar seguir os moldes Americanos enquanto pedra basilar da sua existência, a União Europeia perdeu-se num enorme labirinto de regras e contradições…

O politicamente correcto enquanto ideologia oficial fez com que surgissem na Europa, uma enorme serie de lideres designados por “Populistas”, cuja principal ideia é a de retirar os seus países da União…

Porque em boa verdade esta nunca conseguiu corresponder aos seus anseios…

Porque no fundo 60 anos após o tratado de Roma, a dita União se revelou um Castelo de cartas…

Urge aparecer na Europa um líder forte…

Carismático…

Aglutinador de interesses e de povos…

Sob pena do sonho de uma Europa do “Atlântico aos Urais”, não passar mais uma vez de uma quimera…

Ler outros textos de António Franco: Aqui… e se gostou, partilhe este texto para que mais pessoas possam ler!

Default image
António Franco
Nasci em 1966 na aldeia da Paúla, em Alenquer, e vivo dos meus prazeres... Gosto de política, de ler, não dispenso uma ida ao Gerês e à Nazaré... Conversar com os meus filhos enche-me a alma... O cheiro da terra molhada, assim como o nascer do sol e as noites estreladas de verão, alimentam-me o espírito... Depois de tudo isto contemplo a paisagem com um passeio junto aos moinhos... Este sou eu!
Artigos: 52

Deixe um Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.