Castelo da Sertã

Celinda… que olhas pelo Castelo da Sertã!

Visitar a Sertã, tem como ponto de paragem o Castelo da Sertã... Um local de onde é possível apreciar toda a vila e descobrir a sua história.

O Castelo da Sertã, não poderia ter sido esquecido na minha viagem à Sertã…

Após a visita à barbearia do senhor Reinaldo, o mesmo me indicou vários pontos para conhecer…

E lá fomos nós até ao Castelo com o senhor Reinaldo a acompanhar…

Pelas ruelas do centro da Sertã….

Encontrei um castelo, com pouca informação para quem o visita…

A torre de menagem encerrada, sendo a única atração a vista que conseguimos obter sobre vários pontos da vila…

Mas só pela vista de 360 graus sobre a Sertã, já vale a pena…

Visitar a Sertã, tem como ponto de paragem o Castelo da Sertã, um local de onde é possível apreciar toda a vila…

Castelo da Sertã
Levarei a recordação do Castelo da Sertã…

Ao fundo observo o imponente Convento da Sertã Hotel.

Todo aquele verde que rodeia a vila da Sertã…

Um Castelo com uma longa história…

O Castelo da Sertã foi edificado pelo capitão romano Sertório, no ano de 74 a.C.

Fazia parte de uma rede de fortificações em volta da Serra da Estrela…

Foi dentro das suas paredes que se desenrolou o episódio relatado da famosa lenda da Celinda…

Onde conta que a bravura de Celinda, que era a esposa do chefe do castelo…

Perante um ataque dos romanos…

E sabendo da morte do seu marido…

Quando dentro do castelo fritava ovos numa sertage (frigideira quadrada)… Sabendo da aproximação dos inimigos nas muralhas, atacou-os com este utensílio cheio de azeite fervente…

Despejando-o sobre os romanos para defender o castelo e vingar a morte do marido…

Castelo da Sertã
Em 1936, por meio de subscrição popular, foi reconstruída uma das torres do castelo.

No entanto, escavações arqueológicas recentes concluíram que a sua ocupação inicial poderá remontar apenas ao período islâmico (séculos X e XI).

Tendo sofrido diversas vicissitudes ao longo do tempo…

No século XVIII, estava praticamente arruinado, uma situação que se manteve nas décadas seguintes.

Aliás, foram vários os pedidos apresentados pelos habitantes da Sertã nas Cortes, mas sem o desejado sucesso.

Em 1936, por meio de subscrição popular, foi reconstruída uma das torres do castelo, bem como a Capela de São João Baptista, que se lhe encontra anexa.

Em 1999, a Câmara Municipal levou a efeito um projeto de requalificação de todo este espaço.

As escavações arqueológicas, realizadas entre 1996 e 1998, revelaram a existência, dentro do perímetro do castelo, de um celeiro (utilizado pelo Almoxarifado da Sertã para guardar os cereais)…

Uma antiga capela (anterior à atual)…

Uma calçada em uso nos séculos XV/XVI…

E fragmentos de cerâmica árabes.

Após contemplar um bom pedaço de história, vou descer do Castelo e percorrer novamente as ruas da Sertã

Até à Alameda das Carvalhas

Levarei a recordação do Castelo…

Pena não poder visitar o Castelo por completo…

Mas isso já fica para outras conversas.

Conheça o Castelo da Sertã, através deste álbum de fotografias:

Castelo-da-Sertã_album

Já conhece este restaurante?

Comente o artigo e conte-me tudo…

E se gostou, partilhe com os seus amigos:

Default image
Sofia
Apaixonada por gastronomia portuguesa e viagem. Adoro viajar pelos recantos mais escondidos de Portugal e provar as melhores iguarias portuguesas.

Deixe um Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.