pesia-manuel-neto-dos-santos_rua-Monsaraz

Manuel Neto dos Santos – 13ª Publicação

CADERNO DE MONTE BOI E OUTROS VERSOS QUE ME CHAMAM COMO VOZES

Regresso a este chão, por onde os vossos passos

Poliram os poiais para refulgir a lua

No brilho derramado, aquoso, que flutua

Neste empedrado antigo de esperança e de cansaços.

Ao longo de uma rua; a única da aldeia

Regressa à minha alma o eco, mas sem som…

É este o vaticínio que trago como dom

Por ver que é nos meus olhos que a lua se incendeia.

Loja, 17 junho 16, 17,05 h

monsaraz poesia
Fotografia ilustrativa – Rua de Monsaraz – Autor: Sérgio Santos
Impressão de Fotografia

Decore o seu espaço

A utilização das mais recentes tecnologias de impressão, permitem que seja possível imprimir fotografias com cores brilhantes, nítidas e altamente resistentes.

Default image
Manuel Neto dos Santos
Poeta, actor, declamador, tradutor, poliglota. Nasceu em Alcantarilha- (Silves-Algarve) - a 21 de Janeiro de 1959. Activista cultural desde a adolescência. Figura incontornável na moderna poesia portuguesa.

Deixe um Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.