Envelhecimento da Sociedade Portuguesa

O envelhecimento da população… Quo vadis societas?3 minutos de leitura.

Nos últimos tempos tenho feito alguns passeios pelo Concelho de Alenquer

Além do facto de ficar com a noção exacta da sua vastidão e beleza natural, há um facto que salta à vista…

O envelhecimento do mesmo…

 

Envelhecimento que infelizmente não é apenas um exclusivo de Alenquer, mas lamentavelmente começa a ser apanágio de Portugal…

 

Ás vezes ouço debates onde sociólogos tentam de uma forma ou de outra explicar o fenómeno, como se este fosse um ciclo…

Não é um ciclo…infelizmente…

A sociedade na sua ânsia de desresponsabilização tornou-se autista…

O bem-estar do ser humano enquanto ser individual, passou a ser o único objectivo de vida…

 

O tecido social não se regenerou, e hoje temos uma sociedade profundamente envelhecida…

 

As famílias que nos anos 60 tinham 3 ou mais filhos, são hoje extremamente raras e as crianças (quando as há), são despejadas em ATL´S e outras formas de pré-escola.

Não deixa de ser curioso, o facto de cada vez mais fecharem escolas primárias por falta de alunos, e vão abrindo lares de terceira idade…

Isto prova que em número, os idosos são hoje bastante mais do que as crianças…

Alguém deveria parar para pensar para onde vamos…

Para onde queremos ir…

 




 

Se é isto que queremos…

A desumanização da sociedade atingiu o seu ponto máximo…

As mesmas pessoas que lançam os seus idosos num lar qualquer, muitas vezes indo visitá-lo apenas no natal, são as que dormem com um cão ou um gato na sua cama, dando-lhe mais carinho do que ao ser que os gerou…

Anedótico se não fosse trágico…

O animal passou a substituir o ser humano em termos de afecto e carinho…

 

A sociedade dita civilizada, tem triturado todos os valores que lhe permitiram evoluir de uma forma sustentada até aos nossos dias…

 

A juventude outrora portadora da missão de se regenerar, é hoje uma juventude perdida em busca de Pokemons…

Mas também de valores que a norteiem…

De respostas para as suas angústias…

Apesar de todas as evoluções sociais, Portugal é o país da união europeia onde o consumo de antidepressivos entre os jovens é maior…

A chamada geração “Prozac”…

A busca da felicidade através de um composto químico…

 

Serviços de Fotografia Tapa ao Sal

 

O alarmante consumo de álcool, aliado ao facto de cada vez mais tarde os jovens saírem de casa dos pais, levou a sociedade para um beco sem saída…

Que nem o mais conceituado sociólogo consegue solucionar…

Onde há uns anos atrás, bandos de crianças corriam alegremente pelas ruas, hoje vêem-se velhotes tristes em bancos de jardim…

E as crianças que se vêm, olham para um qualquer smartphone ou tablet, completamente alheados do mundo concreto…

O virtual venceu o real…

Para onde caminha este modelo de sociedade?

Quo vadis societas?

 

Ler outros textos de António Franco: Aqui… e se gostou, partilhe este texto para que mais pessoas possam ler!

 

Deixe aqui o seu comentário:

Também vai gostar de ver:

Partilhe com os seus amigos:

Já com meia década de existência, nasci em 1966 na Paúla, em Alenquer e vivo dos meus prazeres!
Gosto de política, de ler, não dispenso uma ida ao Gerês e à Nazaré! Brincar com os meus filhos enche-me a alma!
Alimenta o meu espírito o cheiro da terra molhada, assim como o nascer do sol e as noites estreladas de Verão! Depois de tudo isto contemplo a paisagem com um passeio junto dos moinhos!
Este sou eu!